Lifelong Learning

As coisas sempre mudam

Se é fato que as coisas mudam e estão em constante evolução, precisamos estar preparados para que essas mudanças não nos peguem de “calças curtas”.

Muitas áreas estão passando por transformações, ao mesmo tempo que outros tipos de negócios vão surgindo.
Novos cenários nos são apresentados constantemente, de forma que quanto mais ficarmos atentos e irmos em busca de atualizaçãoes e capacitações, melhor para nós!

O mercado de trabalho já não é mais o mesmo e as necessidades mudam com o tempo.

Hoje vivemos a era do Lifelong Learning, que tem como significado “a atualização contínua”.
Não é um novo termo ou uma nova forma de pensar, o conceito existe desde  a década de1990, onde a ideia principal era (e é) que os profissionais se mentivessem em constante aprendizagem.
Isso vale para as organizações, empreendedores e funcionários.

Fazendo uma breve reflexão sobre o ano de 2020 e a pandemia que nos atingiu de forma dolorosa em todos os sentidos, podemos perceber que fomos obrigados a nos reinventar.

Além disso, fomos também obrigados a nos adaptar e correr em busca de novas habilidades.
O mundo exige agora um olhar diferente, onde aprender é uma exigência indiscutível e indispensável.

Segundo especialistas, “Cada vez mais, as pessoas aprendem coisas novas a todo momento e de diversas formas. A sala de aula deixou de ser o fim e passou a ser também um novo início, repleto de possibilidades que nunca param de aparecer. São, de fato, outros tempos, mas se pensarmos em desenvolvimento somos pessoas diferentes de outras épocas também.”.

Uma pesquisa mostra que:

47% dos empregos de hoje não existirão daqui a 10 anos.
54% dos empregos formais poderão dar lugar a robôs e programas de computador até 2026.
67,8% dos empreendedores tiveram que desenvolver soluções para vender on-line. A maioria precisou investir na gestão de redes sociais (22,7%), e em canais para se comunicar com os clientes (20,3% em vendas pelo WhatsApp e 15% na criação de site), segundo diz o site “https://valorinveste.globo.com/”

Isso simplesmente significa que não podemos ficar parados no tempo esperando as coisas acontecerem. Não mesmo! É a hora de aprender coisas novas, se atualizar, adaptar-se. Ou é assim ou ficaremos tão obsoletos que não haverá mais lugar no mundo para nós.

E quando falamos em “Lifelong Learning”, vamos além do aprendizado formal. É claro que cursos, treinamentos e afins são de extrema importância atualmente, mas aprender dentro das nossas prossibilidades do momento (em conversas, observações, pesquisas, leituras, etc) também faz parte de todo novo processo.

Oportunidades não faltam para quem quer evoluir. Em plena era da tecnologia, da informação e da internet, temos em nossas mãos tudo que precisamos para saber mais e mais! Muitas empresas entenderam também a importância de oferecer e estimular o crescimento profissional para seus colaboradores através de capacitações. E aqueles que compram essa ideia estão saindo na frente!

Para terminar essa reflexão quero dizer que não podemos mais esperar. Precisamos estar em sintonia com a nova forma de viver.  Precisamos assumir nossa responsabilidade pelo nosso próprio desenvolvimento.

A ideia de que “nunca é cedo ou tarde demais para se aprender” em nenhum momento foi tão atual.

E que tal começar 2021 pensando nisso?

Feliz 2021!

Baseado no livro “LIFELONG LEARNING E AS SOFT SKILLS: O COLABORADOR COMO PROTAGONISTA DO SEU DESENVOLVIMENTO”

Leave a Reply

Your email address will not be published.